Paulista, portal UOL chama Icaraí de "bairro do Rio de Janeiro"

Que o Rio de Janeiro se atolou num surto de provincianismo de fazer pescador isolado no Acre ficar boquiaberto, isso é verdade. O provincianismo só não é visto pelos cariocas que gostam de ver coisas engraçadas no WhatsApp, porque eles simplesmente estão fugindo da realidade.

Mas Niterói, coitada, que um dia foi capital do Estado do Rio de Janeiro até uns quinze anos depois da cidade do Rio de Janeiro ter deixado de ser capital do país, sofre muito.

A cidade de Niterói é tratada como humilhante cidade-dormitório, cria prédios comerciais que ficam sem lojas, tem um sistema de abastecimento de produtos digna de cidade do interior do Amapá e há muito deixou de ter uma vibrante cena de rock alternativo e MPB de vanguarda.

Para piorar as coisas, de vez em quando Niterói é tratada como se fosse a Zona Leste do município vizinho, situação humilhante que volta e meia aparece na imprensa, mesmo a carioca (a TV Manchete, carioquíssima, fazia muito disso).

Pois a nota do portal UOL, feito por paulistas, mostra o caso de poluição da Baía da Guanabara, mas comete a infeliz ideia de dizer que Icaraí "fica no Rio de Janeiro". Para quem vive no Estado, pode até pensar em uma ideia implícita de que Niterói fica num Estado chamado Rio de Janeiro, mas quem vive fora pensa que Icaraí é um sub-bairro da região de Ipanema ou coisa parecida.

Nossos pesares aos niteroienses, que não bastassem o provincianismo quase rural da cidade, são obrigados a serem tratados como se fossem capachos dos cariocas...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Espírito de Equipe

Comemoração por futebol em dia de Golpe mostra infantilidade do povo carioca

Prisão de Cunha é etapa de um jogo político