Caetano Veloso mostra MPB no Parque Madureira. Mas ainda é pouco!

Um evento ligado aos direitos humanos será realizado, sob o patrocínio da Anistia Internacional, no Parque Madureira, Rio de Janeiro, aquela área que conta até com uma prainha artificialmente construída.

Entre as atrações, o único nome de ponta da MPB é Caetano Veloso, o conhecido tropicalista, que se apresentará no festival, com entrada gratuita. Ao lado dele, outras atrações menores, talvez não necessariamente bregas, mas de pouca expressividade para a música brasileira.

A ideia é bem intencionada, mas é muito pouco. Até agora, vieram apenas medalhões da MPB se apresentarem no Parque Madureira. Queríamos ver, se, caso não seja possível chamar um João Gilberto - que tem um temperamento difícil e talvez ache o Parque Madureira um local ridículo para seus concertos - , pelo menos a gente possa ver Roberto Menescal e Carlos Lyra tocando no lugar. Ainda que, por poucas horas, eles pudessem levar o clima praiano de Ipanema para a Zona Norte.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Espírito de Equipe

Comemoração por futebol em dia de Golpe mostra infantilidade do povo carioca

Prisão de Cunha é etapa de um jogo político