Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2016

Linha 184 Estrada de Ferro / Laranjeiras - R. I. P.

Imagem
O ramal Estrada de Ferro X Laranjeiras, que havia sido, nos tempos áureos, a antiga 115, e nas últimas cinco décadas circulava sobre o número 184, foi uma das linhas ceifadas pelo facão do bonitinho mas tirânico secretário municipal de Transportes do Rio de Janeiro, Rafael Picciani.
Embora sua família jure que rompeu com Eduardo Cunha, o menino Rafael continua agindo como se fosse o aluno do presidente da Câmara dos Deputados, porque esse plano de "otimizar" o sistema de ônibus carioca é a cara das "pautas-bomba" de Cunha, com todas as desculpas utilizadas.
Agora o povo terá que fazer baldeação, que nas ruas congestionadas - ninguém quer resolver a sobreposição dos comerciais de automóvel que impedem o fluxo de outras campanhas publicitárias na televisão - faz esgotar o Bilhete Único ainda no percurso do primeiro ônibus, e estressa e cansa tanto os cariocas que hoje o desemprego no Rio de Janeiro, que já era grande, aumentou porque os patrões e professores ficam i…

Secretaria municipal de Transportes do RJ ceifa mais linhas

Imagem
O caótico sistema de ônibus do Rio de Janeiro tem mais um capítulo dramático, com a continuidade do esquartejamento de itinerários imposto pelo secretário municipal de Transportes, Rafael Picciani.
Agora, várias linhas que iriam para o Jardim Botânico, Leblon e Gávea, tiveram seu percurso ceifado para o Largo do Machado. A multiplicação de linhas "alimentadoras" e "troncais" está causando dor-de-cabeça nos passageiros de ônibus e não há Bilhete Único que resista a tanta baldeação.
Rafael Picciani - cuja família diz agora repudiar Eduardo Cunha, mas herdou seu estilo de administrar, já que essa "otimização" do sistema de ônibus é a cara do deputado das "pautas-bomba" - fala em acabar com a sobreposição de percursos, e em tirar 700 ônibus de circulação das ruas cariocas.
Enquanto isso, o número de automóveis nas ruas só aumenta e há sobreposição de comerciais de automóveis na televisão, quando um único intervalo de programa de TV, de cerca de cin…

Secretário ambiental arruma desculpa para hesitação e violenta a língua portuguesa

Imagem
Um trecho da Baía da Guanabara foi contaminado por um vazamento de chorume, material tóxico que se acumulava numa antiga estação de tratamento, no bairro de Jardim Gramacho, em Duque de Caxias, que está desativada.
A empresa responsável pelo trabalho estava com dívidas e a Prefeitura de Duque de Caxias não tem como resolver o problema, já que o município não tem dinheiro para investir nas dívidas da empresa, que não pode ser interditada para não agravar o dano ambiental.
O grande problema é que o secretário de Meio Ambiente do governo do Estado do Rio de Janeiro, André Correa, ao dar sua justificativa, cometeu um sério erro de português, que aparece aqui num grifo feito por este blogue.
"O meu desejo é interditar essa empresa, mas meus próprios técnicos dizem que se eu tomar essa medida extrema eu pioro o problema ambiental. Essa empresa passa por problemas financeiros, mas mesmo com esses problemas graves, é MENOS PIOR. Se eu interditar, não tenho condições de colocar recursos …

Chuva constante e forte no Rio de Janeiro traz uma esperança

Imagem
As fortes chuvas que atingem o Rio de Janeiro quase todos os dias, no final da tarde até parte da noite, trazem muitos transtornos, causam alagamentos e as trovoadas oferecem riscos diversos para os transeuntes.
Mas, pelo menos, as tempestades podem trazer alguma esperança.
Com os alagamentos que acontecem na cidade, pode ser que aumente o volume de água na Zona Norte, fazendo com que aumente a área líquida no entorno de Rocha Miranda, onde fica aquilo que se chama de "prainha".
Com isso, aumentará o "mar" na Zona Norte, ainda que por alguns momentos, o que, para as autoridades, pode ser um pretexto para dispensar a população suburbana ter que ver água nos mares da Zona Sul.

Vídeo ridiculariza imagem do Rio de Janeiro

Imagem
O portal Tomo News publicou, no Facebook e no Twitter, um vídeo de animação que se refere a uma reportagem sobre o atraso das autoridades cariocas na implantação de medidas para a despoluição da Baía da Guanabara, que até os Jogos Olímpicos deste ano não atingirá a meta prometida.
O vídeo, é claro, desagrada a "boa sociedade" carioca, que acha a ideia de poluição um "exagero" e nem estão dando bola para esse problema, até porque não atinge, em tese, as praias que elas frequentam. Aliás, que praias que elas frequentam mesmo? Elas estão esperando a "limpeza social" das praias do Leme ao Pontal para poderem ir "em paz" banhar em Copacabana, Leblon, Barra da Tijuca etc.

Imitador de Bruno Gouveia faz apologia à bebedeira

Imagem
Rola nas rádios um sucesso interpretado por Dennis DJ, com as participações da dupla de "sertanejo universitário" João Lucas & Marcelo (do sucesso "Eu quero tchu, Eu quero tchá") e MC Ricardo.
Chamado "Vamos Beber", a letra tem trechos como "Nós vamos curtir a vida / Vamos Beber / Eu estou cheio de dinheiro / Vamos Beber / Ieieieiééé" que chama a atenção por um detalhe: o vocalista imita descaradamente o cantor do Biquíni Cavadão, Bruno Gouveia.
A gente até imagina que a letra poderia ter sido esta: "Eu imito o Bruno Gouveia / Vamos beber / Eu não gosto do Biquíni / Vamos beber / O som do Biquíni é que é tédio / Vamos beber / Ieieieiééé". O cara deve ter ouvido "Zé Ninguém" e a versão do Biquíni para "Chove Chuva" do Jorge Benjor e foi calcar seu "gogó" no estilo vocal do roqueiro carioca.
Isso é uma grande falta de respeito. Que roqueiros brasileiros possam até tomar uma cervejinha, tudo bem, mas ele…

Violência mata hispano-americanos no Rio de Janeiro

Imagem
Um professor peruano e uma turista argentina foram mortos por conta da violência no Rio de Janeiro.
Na madrugada de hoje, na Praia de Copacabana, a jovem Pamela Bianca, de 24 anos, foi esfaqueada por um dos dois bandidos que renderam a moça e duas amigas brasileiras. A moça chegou a ser socorrida com vida, mas não resistiu aos ferimentos.
As duas amigas resolveram chamar a polícia que, depois de cercarem os dois bandidos - um de 22, outro de 32 - conseguiu prendê-los.
Já na Quinta da Boa Vista, em São Cristóvão, o professor peruano radicado há três décadas no Rio de Janeiro, Carlos Patrício Samanez, desaparecido há dias, teve seu corpo encontrado em uma vala no entorno do local. Ele teria sido morto por ladrões quando o acadêmico, que dava aulas na PUC-Rio, saiu de carro para fazer uma caminhada acompanhado de um cachorro. O caso está sob investigação da polícia.
Mas como a violência do Rio de Janeiro, segundo o prefeito Eduardo Paes, não é tema olímpico e a "boa sociedade"…

EXCLUSIVO: Praia de Rocha Miranda se revelou uma FARSA

Imagem
Com exclusividade - espera-se que, por enquanto, porque queremos que o assunto se espalhe por aí - , noticiamos que a tão festejada Praia de Rocha Miranda, localizada no Parque Madureira, não passou de uma FARSA, uma GRANDE CASCATA.
A "praia" que as autoridades cariocas fizeram para evitar que a população dos subúrbios - desde São Cristõvão. Tijuca e Grajaú até Deodoro e a Zona Norte suburbana (como Bangu, Campo Grande e Jacarepaguá) - fosse para as praias da Zona Sul carioca e da Barra da Tijuca e Recreio dos Bandeirantes, nunca passou de uma piscininha e uma fileira de chuveirões.
Muito pouco para a praia artificial fazer com que grandes contingentes de moradores do Méier, Madureira, Lins, Padre Miguel, Cascadura, Vaz Lobo, Marechal Hermes, Inhoaíba, Vila Kennedy, Jacaré, Inhaúma, Realengo, Quintino, Engenho de Dentro e outros bairros do porte se banhem no entorno que, com bem lembrou Tim Maia, ia do Leme ao Pontal.
Imagine uma piscininha do tamanho de um modesto clube es…

Assim que deixar prefeitura, Eduardo Paes irá viver em Nova York

Imagem
O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, avisou que pretende viver em Nova York, depois que deixar o cargo em 2017.
Lá ele, sua mulher e seus filhos irão viver uma vida de conforto, longe dos cariocas que, descontada a "boa sociedade" - que acha tudo bom no Rio de Janeiro, a não ser que falte cerveja, seus celulares sejam roubados ou todos os quatro times cariocas caírem para a Série B do Brasileirão - , está muito revoltada com o político, famoso por sua demagogia, como um Maurício Macri politicamente correto. Para os desavisados, um lembrete: Macri é o atual e prepotente ditador da Argentina, que deve ter aprendido com Paes a arte de rasgar leis, governar com o próprio umbigo e dizer que está atendendo ao interesse público.
Falando em ensino, Eduardo Paes irá ensinar Urbanismo na Universidade de Columbia, na condição de professor convidado. Irá ensinar mal os coitados dos alunos. Deve falar um monte de mentiras e dizer que sua gestão foi bem sucedida e tudo foi um suce…

Não seja amigo de um carioca. Seja amigo da diversão de um carioca. Assim, se tornará o amigo de um carioca.

Imagem
Cariocas não são pessoas muito emotivas. Cariocas valorizam muito seus pontos de vista e seus gostos pessoais, mais do que seres humanos. Seguindo cartilha elitista (até pobres cariocas dão sinais de seguirem esta cartilha), pessoas são para ser usadas e coisas, gostos e ideias são para serem amadas, contrariando recomendação da lógica e do bom senso.
Isso significa que se uma pessoa quiser conquistar um carioca, deve antes aderir aos gostos e convicções de um carioca. Para explicar isso, tenho que recorrer a uma comparação bem simples. Lendo esta comparação, vai ficar fácil entender este estranho comportamento do carioca (e de muitos sudestinos e sulistas), que transforma gostos em condição sine qua non para fazer ou manter amizades.
Uma pessoa qualquer tem um filho. Obviamente a tal pessoa gostaria que seus amigos gostassem também de seu filho. Seria uma mágoa enorme para esta pessoa perceber que seus amigos não gostam de seu filho. Algo similar acontece também quando um anfitrião …

Tem gente que acha Mônica Iozzi feia. Dá para acreditar?

Imagem
A atriz Mônica Iozzi, que havia sido integrante do humorístico CQC, se despediu da co-apresentação do programa Video Show para se dedicar ao trabalho de atriz. Afinal, ela é formada em Artes Cênicas e quer se dedicar à atuação.
Mônica também é uma das mulheres mais estonteantes do país, mas houve gente que chamou a coitada de "baranga", "dragão" e "sem sal", quando houve a notícia de que ela foi vista beijando um ator e possível novo namorado da atriz.
Sim, teve gente que chamou ela de "dragão". Acho que esse pessoal, de tanto usar WhatsApp no escuro, deve ter adquirido algum problema sério de visão.
Se não for isso, então o pessoal mede a beleza da mulher pelo tamanho do silicone nos glúteos e, como Moniquinha não é "turbinada", eles logo a julgaram feia.
Ou, se não for isso, deve ser invencionice de quem não quer ver uma atriz competente entrando em novelas e sonha em ter "mulheres-frutas" e similares pegando papéis em nov…

Vitória no Carnaval é o que interessa. Qualidade de vida que se exploda

Imagem
Cariocas não querem qualidade de vida. Querem a vitória do futebol, do Carnaval, fartura no consumismo, liberação das drogas e a troca de um partido de proletários por um grupo de militares a serviço de empresários de grande porte. Esta é a meta dos cariocas de hoje, defendida em massa.
Brasileiros são habituados a colocar o supérfluo acima do necessário. Mas cariocas fazem isso ao extremo. E hoje, cariocas estão "felizes" da vida pois a escola de samba mais popular, a Mangueira, ganhou o Carnaval. Isso após um carnaval marcado pela volta maciça dos blocos de rua, com um deles levando cerca de 1 milhão de alienados que nunca se reuniriam da mesma forma para exigir melhorias reais para o estado.
Tudo bem, valeu a pena, até porque homenageou Maria Bethânia, uma de nossas melhores cantoras, numa época  em que a MPB está cada vez mais impopular. Vai servir como divulgação do excelente trabalho da cantora para as gerações recentes.
Mas independente de ser Bethânia ou não (creio …

Já estão querendo reconhecer a mulher pelo traseiro

Imagem
O portal G1 veio com uma aberração.
Fazer um quiz com os glúteos das musas do Carnaval 2016.
Que o bumbum é considerado "paixão nacional" e que admiremos as musas pelo traseiro, vá lá.
Mas do jeito que está o quiz, a mulher passou a ser "identificável" pelos glúteos.
Esta é a situação da imprensa brasileira - o G1 é das Organizações Globo - e de um machismo que ainda não está completamente superado no país. 
Queríamos ver se há um quiz identificando a mulher pelo intelecto. Não, não há.
E o Brasil é o único país em que se permite que mulheres façam sucesso só mostrando o corpo como se fossem mercadorias eróticas. 
E ainda há quem veja feminismo nisso. Quanta burrice.

Manequins negros de ponta-cabeça também são "o caldeirão"?

Imagem
Há poucos dias, uma cena causava horror para os frequentadores do Shopping Rio Sul, localizado em Botafogo, na Zona Sul carioca.
A grife Reserva, que tem o apresentador Luciano Huck como sócio, montou um estande em que a expressão "Liquidação Reserva Mini" aparecia de cabeça para baixo numa vitrine, enquanto dois manequins negros aparecem pendurados de cabeça para baixo.
"Reserva. Sempre um mau gosto para montar vitrines e passar mensagens. Práticas de tortura e racismo em pleno shopping. E não sou só eu que está falando. Eu nem tinha reparado na vitrine até uma senhorinha negra passar ao meu lado e falar para si mesma: 'que horror!'", escreveu sabiamente o internauta Douglas Soares.
Luciano Huck é tido como um "filantropo". Pelo menos é a impressão que os incautos têm quando veem o Caldeirão do Huck com o apresentador reformando carrinho para doar para pessoas carentes - dizem boatos que ele toma de volta, dando apenas uma "indenização"…

Táxis piratas circulam no Rio de Janeiro

Imagem
Isso é que dá essa "mobilidade urbana" caquética que o Rio de Janeiro adota. Com mãos de ferro, as secretarias municipal e estadual de Transportes não conseguem controlar certas irregularidades, como a circulação de táxis piratas, que não oferecem a menor segurança para os passageiros.
Sem registro, táxis imitam o visual das frotas regulares apenas com uma leve mudança de cor. Mas aí dá no mesmo, para quem vive na correria para a folia.
Mas se a moda pega, teremos também ônibus pirata, o que será bem mais fácil, porque a pintura padronizada já permite coisas assim em cidades como Brasília, e os pirateiros poderão se aproveitar de pegar ônibus mais antigos das frotas cariocas ou mesmo pintar seus ônibus à semelhança dos municipais e enganar os passageiros, já confusos com a pintura única das frotas regulares (por sinal tão sucateadas que parecem ônibus piratas). É bom ficarmos de olho.

Cientistas pedem para cancelar Olimpíadas no Rio de Janeiro

Imagem
Os cientistas Arthur Caplan e Lee Igel, dos EUA, estão apelando para as autoridades do Rio de Janeiro cancelarem as Olimpíadas de 2016 por causa da epidemia do vírus Zyka, transmitido pelo mosquito aedes aegypti, o mesmo da dengue.
Segundo os especialistas, o Brasil é o país mais afetado pela epidemia de Zyka, o que causa medo e apreensão nos estrangeiros, que evitarão viajar para o país temendo infecção pelo mosquito.
Além disso, é notório que o descaso dos brasileiros, sobretudo nesse Rio de Janeiro bovino, de deixar terrenos baldios, lixo abandonado e outros focos de criação para o mosquito, criando verdadeiros condomínios habitacionais para o inseto, num país onde falta moradia para humanos.
Mas não são só os cientistas que querem o cancelamento das Olimpíadas. O povo talvez quisesse que os jogos olímpicos fossem cancelados visando a contenção de despesas e a prevenção, no caso dos esportes de vela, de infecção pelo germes da poluidíssima Baía da Guanabara. Dias atrás, o apresent…

Rádio Cidade tem audiência anabolizada

Imagem
A Rádio Cidade tem uma audiência esquisita. Além de roubar ouvintes de rádios como Mix, Transamérica, FM O Dia e a extinta Beat 98 - de onde veio o coordenador da rádiorroque, um tal de Van Damme (seguuuuuuuura peããããooooo!!!) - , ela é ouvida em lojas de eletrodomésticos e até em academias de ginástica.
Roqueiro mesmo nem ouve essa rádio. É claro que eles não se revoltam contra a emissora, mas também não vão ouvi-la. Para quê? Para ouvir só duas músicas do Pink Floyd, outras duas do Cure e somente o hit-parade roqueiro, enquanto locutores fazem gracinhas o tempo todo e falam de coisas nada roqueiras?
Quanto às academias de ginástica, faz sentido essa audiência anabolizada. Primeiro, porque quem faz ginástica e musculação, em sua maioria, nunca ouviu rádio de rock autêntica, sempre ouviu rádios pop como a antiga Jovem Pan Rio. Segundo, porque as pessoas que tomam anabolizantes e ficam muito bombadas não se interessam por rock. Terceiro, porque a Rádio Cidade tinha que apelar para ess…