Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2016

Estupro coletivo é reflexo da decadência do Rio de Janeiro

Uma menina de 16 anos, moradora de Jacarepaguá, na Zona Oeste, iria visitar o namorado quando teria sido cercada por 30 homens que a estupraram. 
Um deles teria gravado a cena e divulgado nas mídias sociais, e comentários animados foram feitos pelos internautas, impressionados pela "façanha".
Sim, isso mesmo. A menina foi estuprada no último dia 21 de maio e, quatro dias depois, o vídeo foi divulgado e "viralizou", sendo compartilhado por muitos machos.
Um jogador de um time carioca de divisão inferior é apontado como um dos suspeitos. Alguns rapazes do grupo foram detidos, inclusive este. A situação é vergonhosa diante desse triste espetáculo de autêntico trogloditismo. Afinal, o ato em si é desumano, cruel, e traumatizante. Nem precisa de mais comentários, porque a crueldade fala por si.
E depois a gente fala que o Rio de Janeiro está decadente e as pessoas não gostam. Meses atrás um grupo linchou até a morte um ambulante por causa de uma discussão boba, algo tí…

58 anos após caso Aída Curi, dois homens caem de um prédio em Copacabana

Na última terça-feira, 24, dois homens caíram de um prédio na Rua Figueiredo Magalhães, em Copacabana, 598, após uma discussão.
Paulo Lampas Domingues Lourenzo, de 60 anos, caiu do 9º andar do prédio, morrendo no local, e, pouco depois, Erick Alessandro Menegotto, de 22 anos, caiu e foi socorrido com vida para o Hospital Miguel Couto, mas não resistiu aos ferimentos. O caso ocorreu cerca de 58 anos depois do famoso caso de queda de uma pessoa do alto de um edifício. Em 14 de julho de 1958, a jovem estudante Aída Cúri, de apenas 18 anos, morreu ao cair do alto do edifício Rio Nobre, na Av. Atlântica, também em Copacabana.
Ela teria sido empurrada depois de sofrer tentativa de assédio sexual de uma gangue de jovens, Ronaldo Castro, então com 19 anos, Cássio Murilo, de 17, e o porteiro Antônio Sousa, de 27.
Cássio era menor e não foi julgado mas os outros dois acusados o apontavam como autor do crime. O julgamento dos assassinos repercutiu em todo o país e, no todo, as condenações inclu…

Gravações que derrubaram Romero Jucá preocupam Rádio Cidade

O político cearense e ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, conhecido pela conversa com o ex-ministro do Planejamento do governo Michel Temer, Romero Jucá, negociando o golpe contra Dilma Rousseff para facilitar a obstrução da Operação Lava-Jato, também revelou outros escândalos envolvendo Renan Calheiros, José Sarney e a grande mídia, definida por Jucá como "os caras que querem tirar" a presidenta do poder.
Os radialistas da Rádio Cidade, aquela rádio que se autoproclama de "rock de verdade", estão muito, muito preocupados.
Daqui a pouco, vão revelar que os radialistas da dita "rádio rock", que não são especializados no gênero - eles vieram da Jovem Pan Rio ou do excedente da FM O Dia - , andam falando mal de grandes nomes do rock, como Iron Maiden, Legião Urbana, Black Sabbath, Beatles e Deep Purple. Se vazar, "cai todo mundo" da rádio, só para citar uma frase de Romero Jucá.

Niterói retrocede porque é considerada "perfeita"

Tida erroneamente como uma das cidades com IDH mais alto no país, Niterói se encontra em decadência vertiginosa. Lojas fechando, ausência de opções de lazer, transito caótico e mal administrado, linhas de ônibus om itinerários e pontos mal planejados, produtos que faltam nas lojas, além de muitos outros problemas que não são resolvidos porque são tratados como casos isolados de uma cidade considerada perfeita.
A elite de Niterói é burra e incompetente. Vivendo em suas luxuosas bolhas de plástico, os problemas não chegam até eles, que curiosamente deveriam ser os responsáveis para resolvê-los. Iludidos com a falsa perfeição da cidade, autoridades, que são oriundas dessa elite, acreditam que nada mais é necessário a fazer. Niterói "atingiu a sua perfeição". O que resta é curtir, mesmo que não aja opções de lazer.
Até mesmo a falta de opções de lazer é um problema em Niterói. Com um excesso de praças inúteis que só servem de moradia para pessoas sem teto de uma cidade que meno…

Dois ministros de Michel Temer assumem falta de conhecimento de sua pasta

O ministro da Educação e Cultura do governo Michel Temer, Mendonça Filho (DEM-PE), não tem a menor especialização em Educação e muito menos em Cultura.

O ministro das Minas e Energia, Fernando Filho (PSB-PE), até declarou que não tem o menor conhecimento do setor.
Mas tudo bem.

A Rádio Cidade, aquela que se autoproclama "do rock de verdade", é operada por uma equipe de radialistas sem a menor vivência no rock. A começar pelo coordenador, Van Damme, que é especializado em "sertanejo", "pagode romântico" e "funk", e não em rock.

Decadência do Rio de Janeiro mostra como Temer e sua equipe conduzirão o país

Não é preciso ser inteligente para perceber o que o governo Temer fará com o país. Basta observar o que acontece no Rio de Janeiro, um estado em franca decadência e com sintomas mais graves da crise mundial que se arrasta graças ao fracasso do Capitalismo e das formas equivocadas de Globalização.
O Rio de Janeiro é o estado do país onde os sintomas de crise são mais visíveis. E nem adianta colocar culpa em petistas ou em quem quer que fosse. No Rio de Janeiro, os culpados são claros e escancarados: os integrantes do PMDB carioca, incompetentes, autoritários e sem personalidade própria, preferindo parasitar em partidos alheios para matá-los em seguida.
A decadência do estado que tem a outrora "Cidade Maravilhosa" como capital já não pode ser  mais escondida. Com uma população elitista, preconceituosa, exigente, além de preguiçosa e acomodada, o Rio de Janeiro dos últimos anos tem preferido preservar medidas ideias e características antiquadas e eliminar focos de real moderni…

Tragédia carioca

Quantas pessoas vão dormir tranquilas e felizes, no Rio de Janeiro, enquanto inocentes morrem por causa da violência?
A jovem Ana Beatriz Frade, de 17 anos, na verdade 18 incompletos, estava preparando uma surpresa para a mãe, que chegaria de viagem no Galeão, quando foi assassinada durante um arrastão na Linha Amarela, próxima ao entorno de Del Castilho, no último fim de semana. A jovem era capixaba.
Embora a imprensa tivesse noticiado amplamente o fato, ele foi logo abafado pela vitória do Vascão. É o fanatismo pelo futebol que contamina o Rio de Janeiro e complementa o comportamento bovino da "gente bonita" que ri dos próprios problemas cariocas. Até que um desses boas-pintas também seja morto por um novo incidente de violência. Triste.

O que os cariocas esperam do Rio de Janeiro após saída do PT

Os cariocas estão eufóricos com a saída do PT do governo, mesmo de forma ilícita. Majoritariamente de elite, os cariocas agora querem que seus privilégios voltem a ser exclusividade dela e que as outras classes continuem existindo apenas para lhes servir e trabalhar no lugar delas.
Os cariocas já fizeram a sua lista de anseios para o "novo" país que agora volta às mãos de forças retrógradas que pretendem devolver o país à República Velha que marcou o início do século passado. A lista das coisas que os cariocas desejam para o Rio após a saída dos petistas:
- Que os quatro principais times de futebol do estado possam estar na primeira divisão (prioridade máxima) e que a "seleção" possa ir a próxima copa e ganhar; - Que as religiões estejam em alta e que a moral de todos seja orientada por um ser tão real quanto Mickey Mouse: Deus, o Papai Noel dos adultos; - Que continue faltando produtos essenciais nas lojas, desde que não falte cerveja e carne para churrasco, além…

Para mulheres cariocas, babaquice é "qualidade indispensável"

Algo estranho acontece no Sul e no Sudeste, sobretudo no Rio de Janeiro: os homens babacas são os mais desejados pelas mulheres e se casam com maior facilidade. Sim, foi isso mesmo que você leu. Para ser atraente e agradar a mulherada carioca, homens tem que ser babacas!
Pode ser qualquer tipo de babaquice. Pode ser a priorização de futilidades. Pode ser um comportamento infantilizado. Poder ser o fanatismo pelo futebol (com direito a berros estridentes em momentos inoportunos), ou por alguma seita estranha, ou ate normal (já que no fundo todas as religiões são tolas, por defenderem absurdos). Pode ser o consumo de algum tipo de droga, lícita ou não. Ou simplesmente um comportamento meio antipático, meio patético, com evidente imaturidade e machismo e um desprezo pelo bem estar coletivo ou por melhorias reais para a sociedade. Até mesmo a avareza, a ganância, o arrivismo são ingredientes essenciais para uma babaquice autêntica e desejada.
Qualquer tipo de babaquice serve, desde que h…

Marky Ramone tocou mais do que a Rádio Cidade tocaria de Ramones e derivados

Conta-se no noticiário que a banda do ex-baterista dos Ramones, Marky Ramone's Blitzkrieg, tocou apenas 47 minutos no Imperator, casa de espetáculos do Méier, Zona Norte do Rio de Janeiro, saindo antes de fazer o primeiro bis.
A plateia saiu enfurecida, em parte com razão, porque esperava uma apresentação de, pelo menos, uma hora e meia, e não uns 47 minutos. Sabe-se que o punk tem canções curtíssimas e meia-hora daria para tocar umas quinze músicas, mas a plateia deveria ter sido avisada antes, pelo menos, sobre a apresentação que não chegou a durar cinquenta minutos.
Se bem que até que Marky Ramone's Blitzkrieg tocou muitas músicas, se comparado com o espaço que a Rádio Cidade dá aos Ramones e seus derivados (as bandas que hoje representam o legado de Joey Ramone), que é muito ínfimo. Para a Cidade, Ramones só existe nas músicas "Pet's Sematary", "I Wanna Be Sedated" e "Straight to Endure", além da cover do tema do Homem-Aranha e a versão s…

Gangues de "bate-bolas" causaram tragédia em Anchieta

Um confronto entre gangues rivais de "bate-bolas" - supostos foliões que se vestem de um tipo de palhaço conhecido como "clóvis" - resultou em duas mortes e alguns feridos na noite de ontem, na Praça Granito, em Anchieta.
A praça estava lotada e bastante movimentada, e o confronto, com tiroteios, assustou as pessoas em volta, que correram para se protegerem dos tiros. Alguns não conseguiram e saíram feridos, sendo um deles, de 16 anos, com gravidade.
Segundo os frequentadores da praça, parecia um ambiente de guerra. Um homem foi visto com duas pistolas. Luiz Fernando Silva Santos, de 16 anos, e Thiago Araújo dos Santos, de 27 anos, foram as duas vítimas fatais.