Prestes a ter direitos extintos, torcedores comemoram com histeria vitória no futebol

Brasileiro é povo infantil. Carioca ainda mais. Como crianças, o lazer é prioridade em relação a necessidades e assuntos mais sérios. Com estado em crise, os conscientizados, politizados e elegantes cariocas realizaram uma estrondosa e histérica comemoração pela vitória ainda há pouco do Flamengo em um jogo.

Como é a maior torcida do estado, a região metropolitana do RJ se transformou em um estádio de futebol muito barulhento com fogos e berros histéricos, como se a vitória de um time pudesse acabar com a crise econômica de um estado falido, corrupto e incompetente.

Isso sem se lembrar que cartolas do futebol são altamente corruptos. Os próprios torcedores, que sonhavam com este golpe, se preparam para ter seus direitos principais cortados e nem estão aí, provavelmente achando que religião e futebol irão resolver os problemas por eles. A corrupção dos cartolas não incomoda pois cartolas são de elite e cuidam de manter a magia da razão de ser dos cariocas, o futebol. Como ser contra corruptos tão bondosos?

O que acontece hoje é uma grande comprovação que não podemos contar com os cariocas para que o golpe político seja derrotado. Eleitores de Bolsonaro, os flamenguistas hoje dormirão tranquilos após estragarem o final de tarde de muita gente boa que ama o sossego, a paz e a tranquilidade. Tudo por causa de um lazer supérfluo que nunca contribuiu para a melhora de nada, a não ser da fortuna de cartolas, jogadores analfabetos e seus patrocinadores.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Espírito de Equipe

Dois baianos bem cariocas

Comemoração por futebol em dia de Golpe mostra infantilidade do povo carioca